A Psicologia é uma área de conhecimento, porém possui subáreas com algumas especificações. Quais são essas áreas?

A Psicologia é uma área independente de conhecimento, porém divide-se em várias áreas com determinadas especificações.

Psicologia Clínica – é uma área da psicologia que se dedica ao estudo dos transtornos e perturbações mentais, focando-se essencialmente nas doenças mentais e implicações mentais das doenças “não mentais”. Nesta área inclui o diagnóstico, classificação, etiologia e intervenção.

Psicologia da Educação – é uma área da psicologia que se foca nos aspetos da educação. Fundamentalmente centra-se nos processos de aprendizagem e nas dificuldades das mesmas. Estuda os processos cognitivos implícitos e explícitos.

Psicologia da Saúde – esta área da psicologia centra-se nas técnicas e métodos psicológicos utilizados em prol da saúde física e mental. Estuda de que forma como a mente influencia o corpo e vice-versa. Foca-se em temas como doenças psicossomáticas e na prevenção e intervenção de doenças físicas através da mente.

Psicologia das Organizações – área da psicologia que estuda os fenómenos psicológicos presentes nas organizações. Atua principalmente sobre a gestão de pessoas, escolhendo a pessoa certa para a função certa, em função da sua motivação, interesses, personalidade, etc. Otimizando os processos humanos das organizações e por consequência, a organização no seu todo.

Psicologia Ambiental – é uma área da psicologia que se foca na forma como o meio ambiente (meio externo) influência o ser humano e o seu comportamento. Centra-se nas formas de otimizar o ambiente para um melhor bem-estar, para um comportamento mais adequado e produtivo. Esta área converge princípios arquitetónicos a princípios psicológicos.

Psicologia Criminal – é a área da psicologia que estuda os crimes e o comportamento do criminoso numa perspetiva psicológica. Estabelecendo perfis, de personalidade e comportamento, descobrindo razões tendências, visando não apenas descobrir o culpado, mas também prevenir que o crime ocorra. Os profissionais desta área colaboram com autoridades e tribunais.

Psicologia do Desenvolvimento – esta área foca-se nas alterações do comportamento relacionadas com as alterações do ciclo de vida e da idade. Alterações ao nível motor, nível cognitivo, entendimento concetual, aquisição das várias competências e formação da identidade e personalidade. Foca-se principalmente na infância e adolescência.

Psicologia Social – é a área da psicologia responsável por estudar o ser humano e o seu comportamento inserido numa sociedade. Focando-se em como a sociedade e os seus fenómenos influenciam direta ou indiretamente o ser humano.

Existem muitas outras áreas da psicologia (por ex: neuropsicologia, psicologia do desporto, psicologia comunitária, etc.). É necessário referir que não existe fronteira alguma a delimitar qualquer das áreas, pois ambas têm a mesma base e em ultima instancia um objetivo comum: o bem-estar e felicidade do ser humano.

Com o decorrer do tempo, surgem áreas cada vez mais especificas da psicologia, centrando-se em áreas cada vez mais específicas. Porém é necessário lembrar que a base inicial e o objetivo final são comuns.

E você, qual área prefere?